Raelogia

domingo, 24 de dezembro de 2017

Playlist: Dezembro/2017
11:531 Comments

Finalmente, último mês do ano. E como de costume, cada vez me vicio em algumas músicas e passo somente a escutá-las todos os dias (lol). Não pude deixar de compartilhar, pois tem sido músicas que me elevaram de um jeito, além de todos os céus existentes. Elas ajudaram muito no meu bom humor cotidiano. ♥

Muito mais que New Rules monamur..

Dua Lipa tem sido minha tatuagem mental. Eu não consigo parar de pensar nela nem um instante se quer e no quão incrível é a voz dessa mulher.

IDGAF (I don't give a fuck)

"I don't need your love
'Cause I already cried enough
I've been done!
I've been movin' on
Since we said goodbye
[...]
You say you're sorry, but it's too late now
So save it, get gone, shut up
'Cause if you think I care about you now
Well, boy, I don't give a FUCK"





Bad Together

"So baby, please, don't hear what people say
'Cause I've heard things 'bout you too
Makes me know that I'm for you [..]
Oh, no, I don't care what's been done here before me
I don't give a damn, just as long as you care
'Cause, baby, I've been bad, but the heavens forgave me
You don't need to ask 'cause I'm already there
Let's be bad together, baby, you and I [...]"





Last Dance

Essa música, alguém me ajuda - é a que eu estou mais viciada. ♥

"We were built to last
We were built like that
Baby, take my hand
Dive in this romance
We could burn and crash
We could take a chance
Holdin' nothin' back
Like it's our last dance" 


BTS - Mic Drop

Obviamente, jamais deixaria o novo hit dos meus meninos de fora.

"Did you see my bag
Did you see my bag
It's hella trophies and it's hella thick
How you think bout that
How you think bout that
I bet it got mt haters hella sick
Come and follow me follow me with your signs up
I’m so firin’ firin’boy your time's up
Keep on and runnin and runnin until I catch up
How you dare
How you dare
How you dare"


SUNMI - Gashina

Sunmi é uma cantora coreana talentosíssima. E se vocês tiverem a chance, confira no youtube a coreografia dessa música -  é de morrer de encanto.
"Your cold eyes
They kill me
The fire in your heart that used to grow
Why are there only ashes remaining?
Maybe time is medicine
But I’m getting weaker
The sad pain is getting numb too
Fine, I’ll forget you
I’m gonna live like a flower, I’ll be myself
Can’t nobody stop me now
No try me"





Hailee Steinfeld - Let Me Go

"Ooh, and I wished you had hurt me harder than I hurt you
Ooh, and I wish you wouln't wait for me but you always do
I've been hoping somebody loves you in the ways I couldn't
Somebody's taking care of all of the mess I've made
Someone you don't have to change
I've been hoping
Someone will love you, let me go"





E fim! Eu poderia indicar diversas outras músicas, mas esse post correria o risco de não ter fim. Caso você tenha músicas para indicar - ou algum vício teu no momento - eu adoraria saber nos comentários! :)

Link no Spotify → http://spoti.fi/2BPOEdA
sz
Read more

terça-feira, 21 de novembro de 2017

E é por isso, que beleza engana
16:21 5 Comments

Eu fico cansada da sua mudança drástica de humor. Da sua maneira em querer me fazer estar presente, quando eu já nem mesmo me sinto reluzente em ficar. No início, foi transparente, mas ao mesmo tempo, cegamente a forma em que eu me apaixonei por você. Por que, eu sei, que com o tempo eu te conheceria melhor. A tua beleza de longe era tentadora, mas de perto me feriu.

Um casal na praia
Fotografia: Brandon Woelfel

 Em consequência disso, mesmo que eu me apaixone por você toda vez que tu me encanta, eu passo a me esquecer do nosso propósito. Você vive numa sintonia completamente diferente da minha. E eu, que mal tenho equilíbrio com o meu ser, imagine criar harmonia contigo?! E bem me informaram que toda história de amor, começa como um jardim florido e perfumado, te atraindo pra perto, para você brincar com as borboletas ali viventes e rodopiar ao vento.

Mas todos sabem que, em algum momento, os espinhos aparecem. Eles vão deixando um risco aqui, outro ali, até que se torne algo bruto e te perfure de vez. E nesse instante, você se pergunta: "O que foi que aconteceu?". O que eu quero lhe contar, é exatamente isso. Nós dois continuamos tentando. Continuamos insistindo. Continuamos nos machucando e chamando isso de amor. 

Pois, quando eu fui embora, eu parti convicta de que eu havia deixado claro o que eu não queria mais. Que eu não te queria mais. Por outro lado, você continua a voltar achando que pode ficar comigo quando conveniente. Que mesmo depois de ter beijado várias outras bocas por aí, e se enganado de que era fácil me substituir, você cai na tua própria ilusão e percebe o quão bom era estar comigo. 

Enquanto eu me posiciono como mulher e busco aquele que pode caminhar, verdadeiramente, lado a lado no tal jardim comigo, eu insisto em te abrir os olhos e dizer: eu não sou aquela disponível para receber a tua masculinidade entre as pernas e ir embora. Não sou venda de prazer, pro teu corpo imaturo. E é por isso que eu fui embora. Não por que eu não te amo mais, mas quanto mais eu fico, menos eu me amo.

E é por isso, que beleza engana.


Read more

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Vá com amor
11:110 Comments
Fotografia: Stephen Edwards

Está tudo bem. Por mais que seja dolorido, compreendo que as coisas aconteceram dessa forma, porque simplesmente era para ocorrer assim. Eu sei e entendo que você não queria me deixar, e que eu não me encaixava mais nos seus planos futuros, o que me levou a pensar que a distância é o melhor para nós dois. 

Tu estavas cansado da nossa vida rotineira nesses últimos meses em que estivemos juntos e desejava fugir um pouco da realidade, porém eu não estava pronta para deixar tudo pra trás. Jamais poderia, principalmente, depois de tudo o que enfrentei para conquistar meus objetivos. Obviamente, você foi um deles e tem uma importância enorme na minha vida, mas, infelizmente, pouco a pouco abandonamos a nossa sintonia, tornando-nos cada vez mais estranhos.

Não quero que ande se culpando, até porque nem todas as coisas foram feitas para dar certo, procure sempre lembrar-se disso. E se me permite dizer, no meio da sua trilha, ainda irá encontrar novos amores, que servirão de aprendizados. Mas não pense que é tudo por acaso, todas as coisas que lhe acontece servem para tornar-te uma pessoa melhor e compreensiva, para que no futuro possa dizer a outro alguém que está tudo bem e que o inesperado acontece. Para que na hora certa, conheça aquela que rodaria o mundo ao teu lado.

Novamente, eu lhe digo: está tudo bem. Tudo com você foi incrível e guardarei comigo cada momento que presenciei ao teu lado, até mesmo os delicados detalhes. Não olhe para o passado agora que encontrou o seu propósito, continue seguindo em frente e explore cada pedaço desse mundo enorme. E saiba que não importa onde você for, quero que vá com amor. E muito.
Read more

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Conheça o melhor de São Paulo com entrada livre!
17:49 14 Comments

   Eu diria que São Paulo tem como significado cultura, pois essa cidade não para um instante. E logo este ano, que diversos shows foram anunciados e estão por vir, chega a doer a alma em ver a carteira vazia. Mas, há eventos totalmente gratuitos e incríveis, para dar uma explorada por aí e preencher a vida de arte. E pra quem tiver que fazer horas complementares para a faculdade, se joga! ♥




   O Centro Cultural do Fiesp é como o próprio nome já diz. Lá você encontra dois andares com acervos e exposições, teatro, livraria, e um local para fazer refeições junto a música ao vivo e paredes de vidros, como brilho externo do céu. E tudo o que ocorre no Fiesp, tem entrada gratuita. Além disso, logo já indico uma peça no qual eu assisti e fiquei encantada com toda a produção, o elenco profissional e incrível, e que todos devem assistir - Senhor das Moscas.

Endereço: Av. Paulista, 1313 - Cerqueira César, São Paulo - Metrô Trianon Masp, Linha 2 Verde.
Para saber mais acesse → http://www.centroculturalfiesp.com.br/



"[...]A 13ª edição da Virada Cultural será marcada por um esforço de valorização da descoberta e da convivência na região central da cidade, por meio da arte, da música, da dança e das manifestações populares.
   Durante 24 horas, o público que for até o Centro para curtir a Virada poderá desfrutar de diversos circuitos artísticos, que funcionarão como pontos de atração para as pessoas circularem entre os tablados distribuídos pelo perímetro do evento.
   Serão 30 tablados – palcos com até no máximo 1 metro de elevação do chão –, espalhados por uma área que vai da Vila Buarque até a região da Sé, e inclui locais como o Anhangabaú, a avenida São João, praça da República e Largo São Francisco, além de equipamentos como o Theatro Municipal e a Biblioteca Mário de Andrade [...]" 

   O evento ocorre nesse final de semana, dias 20 e 21 de maio. Terá shows de vários artistas como Jaloo e Banda Uó, e uma variedade de músicas, desde o Samba até o Hip Hop. Além disso, serão distribuído 4.000 ingressos para peças teatrais ao público. Caso vá, se certifique-se bem com a programação no site, quando e onde ocorrerá o show, pois haverá palcos espalhados por toda a cidade.
Para saber mais, acesse → http://viradacultural.prefeitura.sp.gov.br/

 

   Criada pelo governo japonês, a JAPAN HOUSE é um ponto de difusão de todos os elementos da genuína cultura japonesa para a comunidade internacional  É um ambiente extremamente inovador, equilibrado e tranquilo. Todos os funcionários o recebem com hospitalidade e gentileza. 

   Em todo o mundo, a JAPAN HOUSE foi instalado somente em três localidades: Londres, Los Angeles, e agora nossa linda cidade de São Paulo. A intenção é aproximar ainda mais o intelectual e a diversidade de pessoas sobre uma outra cultura, se envolvendo com atividades oferecidas.

   Eu visitei, e afirmo que vale muito a pena conhecer. O local oferecere exposições, shows, workshops, tecnologia, artes tradicionais, experiências gastronômicas, encontros de negócios, estudos acadêmicos, seminários temáticos, informações turísticas, café, biblioteca e muito mais. Além disso, buscará parcerias com universidades, escolas e instituições de ensino e pesquisa para dialogar com toda a comunidade. 

Endereço: Avenida Paulista, 52, São Paulo - Metrô Brigadeiro, Linha 2 Verde.
Para saber mais, acesse → http://www.japanhouse.jp/saopaulo

 

   Cultura Inglesa é uma das maiores escolas de inglês do Brasil, atuando há mais de 80 anos, com um excelente ensino acadêmico. O diferencial dela é envolver a língua inglesa em toda forma de cultura, tecnologia, com meios diversos para os alunos mergulharem no universo da cultura britânica. Portanto, eles tem uma agenda repleta de atrações incríveis. Eles promovem todo ano o intercâmbio cultural entre Brasil e Reino Unido. 

   São shows de bandas internacionais, peças de teatro para adultos e crianças, espetáculos de dança, exposição de artes visuais, exposição interativa e mostras de cinema, com muitos artistas brasileiros e britânicos Este mês irá acontecer o 21º Cultura Inglesa Festival, com concertos gratuitos da cantora britânica Charli XCX e Karol Conka, e muito mais.



Read more

segunda-feira, 10 de abril de 2017

Por onde for, floresça
13:44 31 Comments
Menina com flores  
Há flores em tudo o que eu vejo. Há traços de carinho, saudade e amor em algumas esquinas mas são apenas rastros de pessoas que assim como eu, continua a querer e a acreditar. Acreditar que não estamos sozinhos e que ainda há generosidade, irmandade e união entre meros estranhos.Que talvez um sorriso torto e tímido possa mudar o dia de um alguém qualquer, que o meu cantarolar possa mover os males, que o meu abraço, mesmo que simples, possa confortar e moldar os teus pedaços.

É porque eu já caminhei muito nesta vida, e me cansei de viver entre almas perdidas, vendidas, desistidas. Eu quero é te pintar um sorriso, te mostrar que ainda vale a pena tentar. Não se esfrie. Deixe que eu lhe empresto um casaco e não se preocupe em me devolver. Após um tempo, o cansaço bate a porta e sei que é inevitável não deixá-lo entrar, mas é saudável não se deixar acomodar. Não se torne pedra - se torne flor. Porque você é muito mais do que um vagante pelo o mundo destinado a cumprir tarefas.

Você tem um propósito, apenas não o desvendou - atenda o alarme do seu coração. Permita-se não somente acreditar na diferença do mundo, mas seja você a diferença. Se torne especial, sinta-se especial. Assim, as pessoas sorrirão ao citar teu nome, desejarão estar perto de ti e aprender com as tuas atitudes. Doe um pouco de si para o mundo, e não deixe esta esfera morrer de arrogância e de pessoas que já não querem acreditar como o amor é capaz de unir perfeitamente todas as coisas

Lembre-se:  Por onde for, floresça. Onde encontrar dores, coloque flores. Que a cada escolha que fizermos, isto nos reserve a melhor colheita. ♥
Read more

terça-feira, 7 de março de 2017

My Mad Fat Diary: uma série pra vida!
11:02 19 Comments

Resultado de imagem para my mad fat diary

My Mad Fat Diary é uma série britânica que se passa nos anos 90. A história gira em torno da adolescente Rae Earl, que pesa 140kg e que acabou de receber alta da clínica psiquiátrica. Assustada com o modo que o mundo exterior irá lhe receber, a garota de apenas 16 anos, encara a situação e no caminho para casa, se depara com sua melhor amiga Chloe, esta que, acredita que Rae acabou de voltar de uma viagem da França e não de um hospital.

Resultado de imagem para my mad fat diary tumblr 

Rae é uma menina super sarcástica e risonha, mas, também vive em altas imaginações, infelicidades e inseguranças, coisa típica da fase adolescente. Ela tem um estilo musical incrível, e desconta todas as suas emoções em um diário, narrado por ela mesma na série. O estilo narrado, é bem diferente, com vários "rabiscos" em algumas cenas, mostrando o pensamento da personagem, e isto torna a série até mais agradável. Os motivos que levaram a ela ser internada, foi a tentativa de auto suicídio, e além disto, a garota enfrenta diversos outros problemas como depressão, compulsão alimentar, dismorfofobia e automutilação.
Imagem relacionada

A série, ao contrário de todo este choque com a protagonista, é cheio de humor, mas também te fará refletir muito sobre a vida, ou até mesmo chorar. Tudo não passa de um ciclo sobre SUPERAÇÃO. Logo, envolve muito drama adolescente, homossexualismo, drogas, autoaceitação, e o verdadeiro significado de uma amizade leal.

Resultado de imagem para my mad fat diary temporada 3

Essa, de fato, é a melhor série que eu assisti em toda a minha vida. Infelizmente, ela foi cancelada, mas toda vez que me bate uma saudade eu volto a rever com muito gosto. É a única série que me fez expandir os olhares. Muita coisa mudou desde que eu assisti, e pude aprender muito também. O sotaque britânico é maravilhoso! Outra coisa que me conquistou, é o fato dos personagens serem realmente desajeitados como todos nós na vida real, ou seja, nada de lugares incríveis, família feliz, roupas descoladas e toda aquela produção de maquiagem. E a trilha sonora do filme, é apaixonante, com várias músicas antigas, e pura nostalgia.

E uma curiosidade é que: é baseado em fatos reais, a Rae realmente existe.

Assista a este 4 minutos de cena, que já viralizou por toda internet:



Já conhecia a série? Deixe nos comentários! :)
Read more

sexta-feira, 3 de março de 2017

Por onde você anda?
14:01 23 Comments


Se o que você fez deu saudade, então o que fez foi a coisa certa. Porque desde que cê se foi, você deixou pra trás o bom momento que vivenciei contigo, e é isto que consta nas minhas memórias quando as pessoas ousam em citar teu nome, de tanto eu já ter falado sobre você. E há aqueles que adoram afirmar que esta maldita saudade só arde, mas em mim ela sempre me trouxe boas sensações como querer voltar no tempo e ter a chance de reviver todas as nossas conversas.

É claro que uma hora ou outra essa saudade acaba me enlaçando de madrugada com aquele sabor de "sal", tornando o meu sono cada vez mais complicado e irradiado de pensamentos aleatórios. Se fosse só sentir saudade, mas sempre tem algo a mais... 
Tem você nos meus sonhos, a tua voz incansável na minha mente, o meu engano de encontrar o teu cheiro em pessoas aleatórias que me deparo nas ruas e acreditar por alguns instantes poder te reencontrar outra vez..

Eu só não quero que me deixe deslizar pela a ladeira obscura do seu subconsciente, e de lá, eu evaporar das suas lembranças. Eu sinto sua falta, mas não devo me apegar. Pois eu sei que o que envolveu nós dois, foi apenas um encontro inesperado.
Mas eu confesso: te conhecer foi a melhor coisa que poderia ter me ocorrido.

Engraçado como, só você, entre milhares de pessoas que passavam por mim, com passos largos e apressados, pôde notar o que havia comigo. Optou em sair do seu círculo e ceder um pouco do seu tempo para conhecer uma mera desconhecida, como eu. Chegou todo sem jeito com um café expresso e uma flor amarela, e logo com educação, pediu permissão para se juntar a mim. A primeira impressão que tive, foi pensar em você ter provavelmente me confundido com alguém ou apenas estava ali para me deixar mais retraída do que eu já estava, enquanto as lágrimas escorriam pelo o meu rosto.

É bom saber, que debaixo de todo este temporal que me acobertava, você fez questão de transformá-lo em um dia ensolarado. Agora toda vez que eu me invado de silêncio, eu me lembro de você confortando minha dor com atenção. Me contou que seu maior sonho é explorar o mundo inteirinho antes de morrer, e a partir disso, começamos a encontrar afinidades, nossos mais cobiçados desejos, e gargalhar das preocupações que a vida se encarrega de nos presentear.


Após o último gole do seu café, você me disse que era hora de partir. Parecíamos amigos há anos, mas fomos apresentados somente por um dia. Você me fez tão bem. Me fez sentir o que eu já nem me importava mais. Logo, largou a rosa amarela sobre a  mesa e me disse:

- A melhor coisa na vida é dormir sabendo que durante todo o dia, ao menos, você é capaz de fazer alguém sorrir.

Me deu uma piscada de olho, e saiu andando, deixando para trás o rastro de seu perfume. Portanto, mesmo não sabendo onde quer que você esteja, espero que esteja tão bem como eu me encontro.

Estou respirando levemente agora, porque eu precisava de um encorajamento de que a vida não é um desperdício, e dentre todas as pessoas que eu conheço, só você compreendeu que  nós habitamos do mesmo céu, nunca estivemos divididos - estamos conectados. Agora, onde há rosas, é onde eu ti vivencio outra vez.


Gostou? Meu querido amigo Gabe, do blog Rascunhos de Tom, fez a versão masculina do texto com muito carinho. Então, se você quer explorar um pouco mais o pensamento do personagem, confira aqui!
Fotografia: Tumblr
Read more